O Diário de Macaíba, visitou na manhã de hoje (19/07), o distrito de Cajazeiras em Macaíba-RN. Muitas pessoas foram entrevistadas sobre os diversos aspectos daquele lugar. Em muitas dessas entrevistas, os cidadãos de Cajazeiras destacaram o empenho e o resultado da nova força de segurança autônoma presente naquele lugar. Em poucos dias de atuação, a equipe dos seguranças, segundo informações dos populares, conduziram uma pessoa de menor idade portando uma arma de fogo à delegacia, evitaram assaltos, e, interceptaram um carro vítima de assalto que, adentrou o distrito. Essa equipe especializada em segurança, também presta serviços à população do Mendes(Parnamirim), Arenã(Vera Cruz) e estão implantando esses serviços no distrito de Traíras(Macaíba), e, possivelmente, em Cana Brava(Macaíba) também. Os custos dos serviços de segurança ficam por R$ 25,00(residência) e R$ 50,00(comerciantes), que pagam voluntariamente. Enquanto a redação do D.M. entrevistava os cidadãos, a ronda ostensiva dos seguranças, passou três vezes por nós. A população de Cajazeiras que vivia amedrontada, agora respira aliviada. Protestos sobre a falta de segurança iriam acontecer em Cajazeiras. Infelizmente, o Governo do Estado não investe à altura na segurança municipal, e, tampouco, a Prefeitura faz a sua parte: investindo numa Guarda Municipal armada.

Postar um comentário

  1. Quem foram os populares ouvidos? Porque pelo que soube eles nem pegaram os bandidos e os bandidos ainda sairam pulando os quintais...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Dona Hallyssya Souza, em nenhum momento, a reportagem disse que pegaram OS bandidos.A senhora se equivocou. Os assuntos estão divididos por vírgula, e cada vírgula passada, representa uma situação diferente. Como o próprio texto fala, as informações foram ditas por populares locais, e não criadas pela própria redação. A história do menor armado, foi dita pelos moradores também. Agradecemos sua visita.

      Excluir
    3. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  2. Quem forneceu a informação ao Diário de Macaíba, dona Cecília, foram o pessoal das barracas. Eles afirmaram que não se tratavam de bandidos, e sim, de vítimas de um assalto que ocorreu minitos atrás. O pessoal do carro se evadiu do local, pulando quintais, por achar que estavam sendo seguidos pelos bandidos, mas depois, eles retornaram ao veículo, que estava com uma roda defeituosa, afirmaram os cidadãos das barracas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Kkkkkkk informações meteorizas sendo uma empresa não registrada onde um segurança da tal empresa foi preso em cana brava por porte ilegal de arma e o próprio dono da tal empresa que se identifica como policial civil abusa da sua autoridade se e empresa realmente não se comporta como o tal isso parece mais atuação de milícia porque os seguranças de trairas se fazem e corre atrás das periguetes com licença da palavra aminha sincera opinião como morador do destrito de trairas e prezamos de segurança sim vamos contratar uma empresa de segurança sim uma empresa legalizada seria vocês entrevistaram as pessoas erradas

    ResponderExcluir
  5. Se vocês quiserem saber o que realmente se passa vamos marca uma visita a trairas vocês vão saber oque realmente se passa lá

    ResponderExcluir

 
Top